Buscar

Entrevista com a mosca de Pence.

Atualizado: há 7 dias


CNN (Central Nelson de Notícias) conseguiu uma rápida e exclusiva entrevista com a Mosca de Pence.

- Obrigado pelo seu tempo, dona Mosca.

- Dona Mosca: eu que agradeço poder falar aos meus amigos do Brasil.

- Como a senhora se sente como estrela das redes sociais?

- Dona Mosca: Emocionada. Muitos elogios. Mas alguns ataques violentos que me chamam de Mosca comunista. Uma Mosca moscovita.

- Qual sua intenção ao pousar na cabeça de Pence?

- Dona Mosca: Protestar. Trump, na pandemia, está matando americanos como se fossem moscas.

- A senhora pretende invadir outros debates? Pousar na cabeça do Trump?

- Dona Mosca: Seria a glória me embrenhar naquela mundo amarelo e indecente. Ele ficaria quieto pois em boca fechada não entra mosca. (risadinha)

- E no Brasil, a senhora sentaria em qual cabeça?

- Dona Mosca: No Brasil, os políticos não tem cérebro e portanto não tem cabeça. Seria perder tempo. Obrigado, paro por aqui pois agora tenho outros voos. Mas antes de encerrar, deixo uma lembrança numa quadra de António Aleixo:

"Uma mosca sem valor / pousa com a mesma alegria / na careca de um doutor / como em qualquer porcaria"

- A CNN (Central Nelson de Notícias) é que agradece a senhora ter colocado as asinhas de fora.

P.S. Obrigado pela assessoria poética, Maria Monteiro.







249 visualizações

©2020 by Os Impostores