Buscar

Onde fazem cocô?

Os que se dedicam ao ofício de roteirista costumam chamar esse tipo de pergunta de "pergunta de geladeira". A explicação existe: você está assistindo a um filme, uma série, dá uma pausa, levanta, vai até a geladeira pegar alguma coisa para beber ou comer e se lembra de um detalhe que, na trama, não tem relevância como, por exemplo: "ué? onde ela fazia cocô?"

Coloquei "ela fazia" por ter me lembrado do Casa de Papel. Prendem uma moça num cofre forte e por lá ela permanece dias. Sem fazer xixi e sem fazer cocô?

Releio nesses dias o formidável Matadouro 5, de Kurt Vonnegut. Acrescento que antes de ler o livro, vi o filme, há muitos anos, dirigido por George Roy Hill e escrito por Stephen Geller. Raro exemplar de filme tão bom quanto o livro.

Volto ao livro e nele, o protagonista, Billy, torna-se prisioneiro do exército alemão. Estamos na segunda grande guerra. Soldado raso, é colocado dentro de um vagão com muitos, muitos outros soldados. Você já deve ter visto muitos filmes nos quais os prisioneiros eram socados em vagões. Posso apostar que em nenhum deles houve a preocupação de Kurt, de relatar como faziam cocô. Saiba agora: faziam dentro do capacete e passavam para quem estivesse próximo a respiradores, que eram frestas no chão. Não esclarece se voltavam a usar o capacete.

James Bond alguma vez precisou ir ao banheiro? Batman. Super-homem. Liam Neeson em suas caçadas implacáveis, sequer um peido soltou.

Sei que é incômodo pensar nisso: um herói borrado. Mas eu sugiro fazer esse exercício na próxima vez que estiver diante de uma saga heróica.

60 visualizações4 comentários

©2020 by Os Impostores